sábado, julho 05, 2008

Jamééééééé (?)!!!

Dizem que...
Mário Lino, ex-militante PC, pirou-se -expressamente- do Partido Comunista para se enfiar na presidência das...
Águas de Portugal.

1 comentário:

A. João Soares disse...

Caro Camilo,
Não se muda de partido sem receber um elevado preço pela transferência, à semelhança do futebol! Por isso, neste, há o «apito dourado» e na política há os «tachos dourados» e as «reformas milionárias», com a diferença de aqui serem intocáveis!
São todos iguais, independentemente dos partidos!
E para que se privatiza e se criam tantas empresas públicas? Apenas para arranjar mais nichos dourados para os amigos e familiares. Não é dizer mal, basta olhar para as empresas municipais e para as águas, as estradas de Portugal, as comissões que nada resolvem mas que dão bons carros, cartões de crédito, viagens ao estrangeiro, subsídios, etc. Nunca se esqueça do Director da ERSE que se demitiu e ficou a receber durante anos um colossal subsídio de reintegração!!!
Parece que vale a pena recordar aqui o significado de PECULATO: «Desvio ou má administração de dinheiros ou rendimentos públicos por pessoas encarregadas de os guardar ou administrar».
E não digo mais.
Com o seu lamirééé, compreendi porque esse não quis pronunciar-se sobre o problema das águas. Talvez tenha sido ele o criador do sistema «legal» que permite aos «donos» do grupo de empresas agirem dentro da «legalidade».

Um abraço e bom Domingo
A. João Soares A. João Soares