terça-feira, junho 29, 2010

"24 Horas"...O fim de um pasquim...

Desde a saída de Alexandre Pais (director) que o "24 Horas" entrou em decadência diária.
A edição de hoje (ver foto) anuncia o fim da forma mais estúpida.
E só vem provar a falta de liderança e de ideias redactoriais.
Vejam esta aberração:
Na edição fúnebre, de hoje,
Carlos Cruz... é referenciado nas páginas:
4, 5, 9, 20, 21, 26, 32...!!!
Sobre as vítimas da "Cada Pia"... nem um pio...
Isto tem cabimento?!!!
O que pretendem, com tantas referências, estas mentes iluminadas do fracasso?!!!
Nunca fiquei contente com o fim dum jornal, seja ele bom ou mau.
Porque para mim não há jornais maus.
Há é jornalistas que nunca o deviam ser...!
Desde 1962... que assim penso.
No presente caso, este estava transformado num jornalismo de sargeta.
Sensacionalismo barato.
Tricas contra os "inimigos".
"Críticas" de Televisão... sem qualquer credibilidade.


1 comentário:

César disse...

Nem fazia ideia de tal final?!