sábado, março 17, 2007

O que faz falta para este país ir pr'a frente é...

Um novo destemido José Júlio da Costa.
E se não vier de Garvão, que venha de outro distrito qualquer;
Mas que venha!!!
Se não for na estação do Rossio, que seja noutro local mais in e apropriado;
E se não quiser dar dois tiros... depois de empurar os seguranças, que dê uma ou mais rajadas.
Não se perdia nada!!!
(Estação do Rossio, 14 de Dezembro de 1918).

5 comentários:

David Lins disse...

Não percebo a ideia desta postagem.
Pode esclarecer melhor ou explicar o que peretende dizer?

Anónimo disse...

Confesso que também não entendi nada.

Pedro disse...

Portanto o Camilo defende o assassinato (mais uma vez... tem que explicar como é que eticamente se pode aceitar isto) do actual presidente da república. Não compreendo como é que gosta tanto do Salazar e tão pouco do Sidónio.

Camilo disse...

Puro engano!
O PR nem sequer é para aqui chamado.
Apenas uma "ideia", uma "lembrança" dum facto acontecido e que "alterou" por completo, repito:por completo a teimosia lunática dun indivíduo e a linha política nacional.
Há 32 anos que os "corta-fitas" de Belém nem aquecem nem arrefecem, daí...
O problema é mais profundo.
Tem a ver com os "donos" das decisões(!)...
Sócrates lembra-me Sidónio.
E... a situação que se vive hoje no país é pior daquela que se vivia em 1918... sem qualquer comparação (!!!).
Salazar foi superior a Sidónio e um Estadista nobre e sério, muito mais do que os actuais.
Lembro-lhe, por exemplo:
SALAZAR nunca mandou "ninjas" (ASAE) armados de metralhadoras e encapuzados, aos mercados ou outros pontos de venda,para "roubar" o produto das vendas do povo pobre e humilde, com a desculpa esfarrapada de que os artigos não estão bons para consumo.
No tempo de SALAZAR, as Actividades Económicas cumpriam o seu papel com dignidade.
Hoje, o país está a saque.
Hoje somos governados por corruptos, por Associações...;
Hoje, os cidadãos que não têm dinheiro,de fracoas posses, são esmagados por: justiça;criminosos;abandidos;autoridades corruptas;prepotência de poder;máfias administrativas!!!
Já se esqueceu que há individuos em liberdade, apesar de terem sido acusados de vários crimes???
Acha isto possível se fosse um cidadão comum???
Quem são despedidos em massa e, ainda por cima levam porrada das autoridades?...São políticos, gente de poder?!!!
Não, é o povo humilde e trabalhador!
É PARA POR TERMO A ISTO...
Que sinto tristeza por não aparecer um, dois, ou uma dúzia de "Josés Júlios da Costa".
SINTO TRISTEZA E TENHO PENA!!!

henrique disse...

Meu caro Camilo

Acabo de ver o blog "SALAZAR O OBREIRO DA PÁTRIA".
Não sei se já o conhece, porém acho um trabalho muito importante para o esclarecimento da VERDADE sobre um HOMEM que eu servi com muita honra e que hoje mais do que nunca vejo nele a figura mais importante da nossa história recente e dificil de ultrapassar por qualquer politico num futuro próximo.
Já não será na minha vida, mas prevejo que venha a ter uma estátua maior que Marquês de Pombal, porque o seu humanismo foi impar, poupou os seus mais directos adversários politicos que viriam a ser os coveiros dos valores que ele como POVO defendeu.
Um abraço do
Henrique